Translate this Page

Rating: 2.7/5 (2011 votos)


ONLINE
1





Partilhe este Site...


Oyê, oyè ou ipò
Oyê, oyè ou ipò

Oyê, oyè ou ipò é um cargo ritualístico na cultura Jeje-Nagô. É outorgado por um sacerdote do candomblé, babalorixá ou iyalorixá a um elegun, geralmente na obrigação ou depois do odu ejé. É chamado de Àwon Ipò Òrìsà e Deka no candomblé de angola. Neste ritual complexo e exaustivo, tem início até mais de um ano retroativo, pois é necessário a construção de um ile axé com a preparação devida de onile, fundação de um peji e vários outros assentamentos de orixás, iniciação ritual dos atabaques, Agogô, adjá etc.No dia propriamente dito da entrega do Oyê, um grande cabaça denominada de igbá, também chamada de cuia de axé é recheada com vários objetos sagrados, que o novo sacerdote vai utilizar durante muito tempo de sua vida sacerdotal, até mesmo na sua ultima obrigação chamada de axexê, contendo obi, orobô, aridan, ekodidé, navalha, faca, tesoura, efun, limo da costa e o importante fio de conta mais cobiçado do povo nagô o Humgebê. Sob o igbá encontra-se um opon merindilogun, “Peneira de palha” ornada com búzio e palha da costa, onde está depositado o mais precioso e poderoso instrumento de consulta aos Deuses africanos, chamado de merindilogun.

A entrega da cuia de axé geralmente é feita no barracão na presença de todos presentes, logo em seguida o orixá do novo sacerdote responde, confirmando à aceitação, todavia o mesmo é submetido a teste de aprendizado tendo que jogar os búzios na presença dos sacerdotes mais velhos, inclusive de outros terreiros.

Finalmente Mara Costa, o vídeo da sua Ordenação para 

achólupêle - soldados, guerreirosagrusa - porcoAhougan - sacerdote feito de Vodumahuan - guerra, batalhaAyidohwedo ( aidô-ruêdo) - ARCO-ÍRISaigry (aigri) - pedras que representam o excremento de Dan e são deixadas por ele no chão, à sua passagem; di­zem que elas valem peso de ouro. Um mito nos conta que os excrementos de Dan transformam os grãos de milho em bú­zios.aikungumã - terra (aiye)akututos - ancestrais, egungumarã-sêssê - ÁLCOOLason (assôm) - chocalho feito com uma cabaça e com as vertebras de cobra.atinçá - arvores, folhasAvun - cachorro

Bakonos - sacerdote de Fabakuxé - prato de barrobejereçu cerimônia de matançabò - cabra ou cabritoBochiô - forma, escultura

catraio - galinha da angolacó - barro

dahun - conjunto de 3 tambores brancos paramentados com rafia lilás.Dan Wedo - Deus do arco-iris, arco-irisDegi - arDjenukom - céu (orum)djóom - ventoDjidji (djídjí) - abaixardjizônukon - tempestadeDuwe - dança

eché - passaroEku - Deus da Morteekúchomê - cemiterioesin - águaEkùs - alma, egumEte - queezim - agua

Gan guhi (gam gurri) - amolar a facaGuhê - solGuhê-du - sol negroGuhemê - meio-dia

humahuan - campo de batalha (guerra)Humahuane - guerra, campo de batalhahou - marHusi - cauda

Ifé (ifé) - amorIku - morteIwa (iuá) - ajoelhar

jeçuçu - docejevivi - salgadajo - deixarJohon - vento

yan - fio de contas

Lam (lãm) - animal, carne

Mikan - salve!Moli (môli) - argolas, aros

Na - uma (artigo)Nhû - corpo físiconivu - bezerro

Oku - morto, cadáverôtan - lago, lagoa

Kanlin (canlim) - animalklamklam - borboleta (pronuncia-se kunlamkunlam)Klamklamle - borboletaskôkôlo - galinhaKolomen (côlômem) - armadilhakpame - doentes, enfermoskpe-izó - pedra de fogokpo - potekuentó - kuentó

ronco - quarto sagrado de iniciaçãorunbono - primeiro filho iniciado na Casa Jejerundeme - quarto onde fica os Vodunsrunjebe - colar de contas sagrado de jeje dado na iniciação

sabaji - quarto sagrado onde fica os assentos dos Vodunssarapocã - cerimônia feita 07(sete) dias antes da festa pública de apresentação do(a) iniciado(a) no Jejesidagã - auxiliar da Dagã na Cerimônia a LegbaSofo - sacerdotisa feita de Vodumsum - lua

takara - arma que Dan tras nas mãos, parecendo um pequena espada, com feitio próprio.tó - banhotódôum - rioTouboumé - reinotraken ou draka - ferramenta pequena que Dan tras nas mãos

uhui - peixe

Vodunos - sacerdotesvodunsis - feitos de Voduns (yao)

zandro - cerimônia Jejezerrin - ritual fúnebre Jejezó ou izó - fogo

esin = água atinçá = árvore agrusa = porco kpo = pote zó ou izó = fogo avun = cachorro nivu = bezerro bakuxé = parto de barro kuentó = kuentó yan = fio de contas vodun-se = filho do vodun ou iniciados da Nação Jeje yawo = filho do vodun ou iniciados da Nação Ketu muzenza = filho do vodun ou iniciados da Nação Angola tó = banho zandro = cerimônia Jeje sidagã = auxiliar da Dagã na Cerimônia a Legba zerrin = ritual fúnebre Jeje sarapocã = cerimônia feita 07(sete) dias antes da festa pública de apresentação do(a) iniciado(a) no Jeje sabaji = quarto sagrado onde fica os assentos dos Voduns runjebe = colar de contas usado após 07(sete) anos de iniciação runbono = primeiro filho iniciado na Casa Jeje rundeme = quarto onde fica os Voduns ronco = quarto sagrado de iniciação bejereçu = cerimônia de matança

Narruno = cerimônia de matança

topo